Ep. 10 – Como manter a mente saudável quando tudo parece caótico

Hoje eu quero conversar com você sobre como que a gente pode manter a nossa mente saudável quando tudo ao nosso redor parece caótico.

Com essa situação do coronavírus, tem muita gente se entregando ao medo, se preocupando, contando os dias pro pior… E muitas vezes a gente fica sem saber se pensar positivo agora é tapar o sol com a peneira, se no fundonós não estamos “fugindo”, fingindo que nada está acontecendo.

Acontece o mesmo aí com você?

Pensando nisso, eu resolvi trazer algumas reflexões aqui e eu espero que elas possam contribuir para o seu bem estar e pra sua sanidade mental, por que é também nessa reflexões que eu tô ancorando a minha força pra dar conta de tudo isso.

O que a gente aborda nesse episódio, é:

Fé e medo são a mesma coisa: Acreditar em algo que ainda não aconteceu.

E, a mentalidade do “e/ou”.

E nesse episódio eu trouxe algumas sugestões de como você pode fazer desse momento algo significativo, e tirar o melhor de tudo o que está acontecendo.

  1. Mantendo uma rotina.
  2. Se dedicando à um projeto.
  3. Prestando atenção aos seus pensamentos.
  4. Se conectando com quem você ama (mesmo que à distancia!)
  5. Evitando sair de casa.
  6. Mantendo um diário, pois isso te ajuda a reconhecer seus sentimentos, estar em contato com você e, de quebra, registrando um momento histórico!

Nas Carta de Cura desse mês, eu compartilhei um vídeo muito lindo, sobre nossa grande mãe, Gaia, e senti de compartilhar ele aqui também. Sinto que todos nos devemos assistir à esse vídeo. Vale a pena nos relembrar de que a Terra é Viva!

Se você gostou desse conteúdo, assine as Cartas de Cura, lá eu compartilho dicas e insights que não estarão disponíveis em outro lugar.

Te espero lá!

Agora, deixe-me saber como está sendo essa quarentena para você. Escreve aí nos comentários qual é o seu maior desafio, e o que você tem feio para dar conta de tudo o que está acontecendo.

Lembrando que seu comentário pode servir de inspiração para outras pessoas.

Vamos fazer essa mensagem ecoar!

Um grande beijo e até a próxima!

You Might Also Like

14 Comments

  • Reply
    Fabi
    07/04/2020 at 21:11

    Aline, amei o vídeo! Obrigada por compartilhar!

    Aqui em casa estamos tentando não pensar em quarentena, mas levar um dia de cada vez. Jogamos jogos de tabuleiro, cantamos juntos, e quando todos estamos entediados nos permitimos assistir um Netflix que seja.

    Eu tentei ser a mãe perfeita no início da quarentena, mas não sei conta, agora tento ser o melhor dentro dos meus limites.

    Amei sua Carta desse mês, você sempre me surpreende com suas reflexões. Estou muito feliz e muito grata de ter encontrado esse podcast.

    Por favor, continue!
    Obrigada por tanto ensinamento!

    Namaste!!!

    • Reply
      Aline Sena
      09/04/2020 at 19:47

      Amada, te compreendo perfeitamente. Também tentei ser a mãe perfeita, dona de casa perfeita e até profissional perfeita, mas não deu. Percebi que EU também estava em quarentena, no meio de uma pandemia, e tive que me apoiar. Reduzi tudo o que podia e me permiti ficar comigo. Foi o maior presente que me dei, não me arrependo. Tudo isso porque agora as coisas melhoraram aqui e enfim estou conseguindo fazer tudo com mais calma e amor. Valeu a pena me dar esse tempo. Gratidão por compartilhar seu processo comigo! ;*

    • Reply
      Denise Maria Nalin
      10/04/2020 at 09:50

      Nooossa * que coisa mais boa…que serena postura de otimismo e fé..que aceitação sublime*** muito grata mocinha! Vc é muito importante pra Terra*

  • Reply
    Lucélia
    07/04/2020 at 21:18

    Eu tenho meditado todos os dias de manhã e tenho feito exercícios no YouTube. Me faz bem e me tira da preocupação. Adorei esse episódio! Obrigada

    • Reply
      Aline Sena
      09/04/2020 at 19:49

      Verdade! Eu faço as aulas de Pri Leite Yoga algumas vezes, você conhece? Muito legal!

  • Reply
    Patricia Nogueira
    07/04/2020 at 21:20

    Eu recebi esse vídeo no WhatsApp e amei também! O episódio de hoje me ajudou demais, você parece ter sempre a palavra certa. A mais acolhedora. Gratidão!!!!!!!!!!!!!

    • Reply
      Aline Sena
      09/04/2020 at 19:49

      Gratidão! Fico feliz em saber que te ajudou! 🙂

  • Reply
    Erica Coelho
    09/04/2020 at 08:56

    Alone, obrigada! Acho que pela ptimeira vez nessa quarentena eu me permiti SENTIR! Esaca tão focada no fazer… Moro com.meu marido que é do grupo de risco e estou também cuidando e administrando a casa da minha mãe. Ela mora só e também ê do grupo de risco. Estou fazebdo tudo sozinha, mercado, farmácia e tudo mais pras duas casas, pq eles não estão saido. Fora cuidando da limpeza e tudo mais. E estou também teabalhando em home office. E ouvindo seu áudio eu percebi que não é pouco o que estou fazendo! As vezes olhava pela TV pessoas fazendo coisas “grandiosas” , ajudando necessitados, os profissionais de saúde… e me cobrava. Mas eu estou fazendo o meu melhor!!! Estou fazendo das tripas, coração pra não contaminar ninguém! Estou sem fazsr atividade fisica ao ar livre, que eu amo! Estou sem ver meus amigos que eu amo! Essa é a minha contribuição, é o que posso fazer de melhor! E hoje eu acolhi meu medo, eu acolhi meu cansaço! E chorei. Foi um choro mais de desabafo que de tristeza. Obrigada, querida!

    • Reply
      Aline Sena
      09/04/2020 at 19:44

      Erica, você está fazendo um trabalho incrível, uma entrega linda! Fico me perguntando, por que a gente se compara tanto e esquece de olhar pros nossos limites, pra nossas conquistas, pras nossas dores. Pela Deusa, você está cuidando de duas casas, se desdobrando, você é uma heroína! Não esqueça nunca disso e se apoie muito pois você merece o seu amor também. Gratidão por me deixar essa mensagem, fico muito feliz de ter alcançado alguém como você! Parabéns! ♥

  • Reply
    Olivia Tsutsumi Ambrogi
    11/04/2020 at 12:38

    Aline, você sempre com as palavras certas pro meu coração! Que incrível esse episódio!
    Eu decidi, desde o início desta pandemia, me manter otimista e confiante, mas confesso que em alguns momentos me cobrei e fui cobrada por isso, como se eu não estivesse me preocupando com o próximo, ou tendo compaixão pelos que estão sofrendo. Acho que eu mesma acabei criando este conflito em mim, mas com suas palavras, tudo ficou claro! Eu vou me permitir SIM ficar sempre otimista, eu decido isso pra minha vida, pro meu bem-estar e para o bem dos que estão ao meu redor, e mesmo assim, não vou deixar de ter os cuidados necessários e de ter compaixão e empatia pelo sofrimento e aflição dos outros.
    Estou aproveitando essa quarentena para fazer coisas que amo, mas que normalmente não tenho tempo. Amo costurar e decidi fazer máscaras de tecido para quem me pede; comecei a desenhar mandalas, com inspiração em uma amiga, que as faz com muita perfeição; estou pintando, algo que desde criança gosto de fazer; meditando; tocando violão; lendo livros; enfim, quase nem sobra tempo pra assistir séries na Netflix (que também gosto! rs).
    Tenho uma gratidão muito imensa por você! Esse episódio fez meu coração se encher de alegria, o peito estufar, sabe? Nem tenho palavras para descrever, só sei que você me inspira, me faz querer sempre vibrar boas energias! E é isso que decido ser agora: a pessoa que leva um pouco de esperança e fé de que TUDO VAI FICAR BEM!
    Obrigada, obrigada, obrigada!!!
    Um abraço carinhoso,
    Olivia

    • Reply
      Aline Sena
      11/04/2020 at 19:19

      Olivia, eu me emocionei REAL com seu depoimento (não dá nem pra chamar só de comentário! rs). É exatamente isso! É pensando em pessoas como você, que passam pelo mesmo que eu, que eu me inspiro para compartilhar. Eu também fui cobrada e julgada quando tudo isso começou, parte minha não entendia se eu tava sendo agredida ou se era um alerta pra eu despertar pra uma “seriedade”, sair do mundo da fantasia. Eu tentei sair, tentei me engajar da forma que eles queriam e o resultado disso foi dor, muita dor e descrença, e percebi que não estava ajudando ninguém assim.

      Por sorte, em meditação, a ficha caiu. E eu compreendi que essa é a hora de bancar minhas escolhas e honrar sim toooodo caminho trilhado até aqui. Eu tô bem e em paz porque aprendi a manter essa paz, e não devo sentir vergonha disso, pelo contrario, é motivo de orgulho pra mim. E quando me posicionei, muitas pessoas vieram até a mim pra receber um pouco dessa luz. Compreendi o real valor de ter uma missão bem ancorada e escolhida com consciência.

      Estou muito feliz por ter tocado seu coração também, e estou muito orgulhosa da forma com a qual você ta levando suas escolhas. Continue! Gratidão! ♥

  • Reply
    daniela moura rodrigues tonolo
    25/05/2020 at 12:28

    Amei os vídeos ! Gratidão por compartilhar,isso faz um bem enorme.

    • Reply
      Aline Sena
      25/05/2020 at 14:51

      Que bom, amada! Feliz em ter você aqui! ♥

    Leave a Reply

    4 + 5 =